Para muitos trabalhadores, o Auxílio Acidente é uma vantagem crucial. Afinal, vários acidentes tornam as pessoas incapazes de realizar suas tarefas.

No entanto, durante o processo de recuperação, a pessoa perde sua renda, que muitas vezes é seu principal meio de sustento.

Portanto, entender como funciona essa vantagem pode ser um conhecimento crucial quando você precisar dessa assistência.


A pessoa que não pode trabalhar pode, portanto, contar com assistência financeira durante esse período difícil.

Saiba o que é e como conseguir o benefício Auxílio Acidente

Auxílio Acidente saiba como solicitar pelo app (Imagem: Google / Istockphoto)

Existem muitos programas e benefícios sociais diferentes disponíveis no Brasil atualmente; como resultado, muitas pessoas não conhecem Auxlio Acidente.

Por isso, abordaremos as principais questões neste post e listaremos os requisitos de elegibilidade para esse benefício.

Com esse conhecimento, o leitor pode entrar em contato com o INSS para solicitar os recursos para si, ou repassá-los a um amigo ou parente habilitado para o programa.


O trabalhador pode garantir o sustento de sua família durante sua reabilitação, utilizando a Assistência Acidentária para custear seus cuidados médicos.

A boa notícia é que agora as pessoas podem solicitar esse benefício usando um aplicativo devido aos avanços tecnológicos.

O cidadão agora tem mais praticidade porque às vezes não pode sair de casa dessa forma. Todo o processo pode ser mais fácil do que o leitor pensa; para um exemplo, veja abaixo.

O que é o Auxílio Acidente?

Como o INSS oferece o Auxílio Acidente, é fundamental que o empregado esteja formalmente cadastrado para receber o benefício.

Por exemplo, se você trabalha por conta própria, pode se registrar formalmente no MEI. A contribuição é fundamental, pois somente os trabalhadores em regime CLT ou com registro no MEI podem receber os direitos do INSS.


Basta olhar para as estatísticas para ter uma ideia de quão significativo é esse benefício; acredita-se que um acidente ocorra em algum lugar da nação a cada menos de um minuto.

A necessidade de afastamento do trabalho é frequente, por isso existe o Auxlio Acidente. É seguro dizer que o principal objetivo desse benefício é auxiliar o empregado e garantir a renda em caso de acidente.

O Auxlo Acidente é ainda mais crucial no caso de um MEI, pois seu emprego é sua única fonte de renda e eles não recebem um salário fixo como os funcionários da CLT.

A pessoa recebe essa indenização se houver uma pequena diminuição em sua capacidade para o trabalho, sendo importante observar neste momento que é um benefício vitalício.

Em termos de valores, a pessoa recebe metade do que teria direito se fosse inválida e aposentada.

Em outras palavras, se a pensão fosse de R$ 3.000,00, a Assistência Acidentária seria de R$ 1.500,00. Outro detalhe crucial em relação a esse benefício é que o pagamento é interrompido se a sequela do beneficiário sofrer uma reversão.

Nesse sentido, é importante realizar inspeções regularmente. No final das contas, é injusto que o governo forneça um benefício a uma pessoa que é capaz de trabalhar.

Quem tem direito a essa indenização?

Trabalhadores domésticos, autônomos e trabalhadores em áreas urbanas ou rurais são todos elegíveis para o benefício.

Fazem parte do seguro especial agricultores, pescadores, garimpeiros e extrativistas. Os contribuintes individuais ou facultativos, no entanto, não têm esse privilégio.

Resumindo, para ter direito a este benefício, assim como a outros, você deve pagar ao INSS. Como dito anteriormente, quem é autônomo deve se filiar ao MEI.

Nesse ponto, é importante observar que a contribuição é essencial para se aposentar no futuro, por isso a formalização é tão crucial.

Para que um profissional valide o recebimento, a pessoa deve ter experiência médica além do emprego formal. Não há carência para recebimento dos valores, outro conhecimento fundamental sobre o tema.

Ou seja, se uma pessoa começou a trabalhar há uma semana e sofreu um acidente que a impediu de trabalhar, ela ainda pode receber o benefício sem problemas.

Também é importante observar que o Auxlio Acidente cobre acidentes fora do local de trabalho. Isso significa que a pessoa pode solicitar o benefício, por exemplo, se tiver sofrido um acidente de carro.

O leitor já entende quem se qualifica para esse benefício, então é hora de explicar o processo de inscrição.

Assistência a Acidentes: Processo de Candidatura

Os cidadãos agora podem contar com aplicativos para obter acesso a vários serviços públicos. Basta ter em mente que o aplicativo Caixa ou o aplicativo Caixa Trabalhador possui o Meu Cadastro Único.

O aplicativo Meu INSS pode ser baixado gratuitamente na Apple Store e Google Play. Ele permite a solicitação e o acompanhamento de vários serviços, bem como a capacidade de ver quanto tempo levará para se aposentar.

Nesse caso, é extramente importante que o interessado faça um agendamento, para efetuar uma perícia médica para ter direito à Assistência a Acidentes.

É indiscutivelmente uma plataforma útil para os usuários, e a sua utilização é muito simples, disponibilizando-a a qualquer pessoa sem grandes dificuldades.

Outras benefícios oferecidos pelo INSS

  • Aposentar pela idade
  • Aposentadoria especial
  • Pensão
  • Aposentadoria por invalidez
  • Auxílio Maternidade

Confira a conclusão final

Temos uma seção inteira no site com informações sobre vários direitos e outros auxílios, caso você queira saber mais sobre benefícios adicionais.

Hoje em dia, utilizar recursos digitais para realizar inúmeras tarefas diárias economiza tempo e torna a vida mais confortável.