News

CATL terá fábrica de baterias de 7,3 bi de euros na Hungria para atender Mercedes e BMW

todayagosto 12, 2022 2

Background
share close

XANGAI (Reuters) – A CATL disse nesta sexta-feira que construirá uma fábrica de baterias de 7,3 bilhões de euros na Hungria, a maior da Europa até agora, enquanto a se prepara para atender à crescente demanda das montadoras globais.

A maior fabricante de baterias para veículos elétricos do mundo disse que a construção da central de 100 GWh (gigawatt-hora) na cidade de Debrecen seu maior investimento no exterior começará neste ano após receber as aprovações.

Uma vez construída, será a maior fábrica de células de bateria da Europa e a segunda da CATL na região, produzindo células e módulos de bateria para fabricantes de automóveis, incluindo Mercedes-Benz, BMW, Stellantis e Volkswagen.

O investimento marcará “um salto gigante na expansão global da CATL”, disse o fundador e presidente da empresa, Zeng Yuqun, em comunicado.

O investimento também é fundamental para a Hungria, que está se tornando um importante centro de veículos elétricos e baterias na Europa.

Debrecen abriga uma fábrica que está sendo construída pela BMW, enquanto a Audi, da Volkswagen, tem uma fábrica em Gyor, no oeste da Hungria, e a Mercedes-Benz opera uma em Kecskemet, na parte central do país.

A BMW se recusou a comentar, mas disse que planeja divulgar algumas informações ligadas a baterias no início de setembro. A VW e a Stellantis não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

A Mercedes-Benz disse que será o primeiro parceiro a receber células de bateria da fábrica húngara da CATL.

A CATL disse anteriormente que começaria a fornecer células cilíndricas para a BMW a partir de 2025 para sua nova série de veículos elétricos.

A empresa chinesa também disse que também está examinando unir forças com parceiros locais para estabelecer instalações para materiais de bateria na Europa.

(Por Zhang Yan, Brenda Goh, Christoph Steitz e Christina Amann)

Written by: admin

Rate it

Previous post

Twitter reintroduz regras de combate à desinformação antes de eleições nos EUA

News

Twitter reintroduz regras de combate à desinformação antes de eleições nos EUA

Por Sheila Dang DALLAS (Reuters) - O Twitter disse que vai reintroduzir recursos para promover informações mais precisas sobre as eleições de novembro nos Estados Unidos e reprimir postagens falsas e enganosas. O Twitter aplicará sua política de integridade cívica, introduzida em 2018. Em 8 de novembro próximo, todos os 435 assentos na Câmara dos Deputados e cerca de um terço dos 100 assentos no Senado estarão em jogo. A […]

todayagosto 12, 2022 2


0%