News

Ethereum cai 3% e Bitcoin sustenta os US$ 21 mil com investidores de olho no Fed

todayagosto 22, 2022 3

Background
share close

As criptomoedas conseguiram um respiro no fim de semana após a forte queda dos preços na sexta-feira (19), apesar da manutenção do clima de cautela, com os investidores avaliando os dados mais recentes de inflação e a incerteza macroeconômica global.

O Bitcoin (BTC) chegou a ser negociado acima de US$ 21.500 durante o fim de semana, mas começa esta segunda-feira (22) mais próximo da casa de US$ 21 mil.

Na sexta-feira, a maior criptomoeda do mundo chegou a cair mais de 9% em determinado momento após o relatório de inflação inesperadamente decepcionante da Alemanha, a maior economia da Europa, e novas preocupações sobre o ritmo dos aumentos das taxas de juros nos Estados Unidos.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

“O fracasso do Bitcoin em ultrapassar os US$ 25 mil limitou seu rali e parece que as preocupações macroeconômicas continuam afetando os mercados”, disse Joe DiPasquale, CEO da gestora de criptoativos BitBull Capital ao CoinDesk.

Mas ele reforçou com otimismo “que a consolidação saudável até setembro será um sinal positivo para os touros, especialmente se o Bitcoin não criar uma nova baixa abaixo de US$ 18 mil”.

Nesta semana, os investidores estarão atentos aos comentários do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, que deve falar na sexta-feira no Simpósio de Política Econômica em Jackson Hole, Wyoming.

Powell pode dar mais sinalizações sobre a direção monetária que o Fed pode tomar na reunião do Federal Open Market Committee (FOMC) de setembro. O presidente do Fed de St. Louis, James Bullard, já disse que está inclinado a votar por um terceiro aumento consecutivo de 75 pontos-base.

Entre as altcoins, o Ethereum (ETH), segunda maior criptomoeda em valor de mercado, opera acima de US$ 1.500, mas distante da marca de US$ 2 mil atingida há uma semana. O entusiasmo dos investidores pela atualização Merge (Fusão, em inglês), programada para o próximo mês e que fará a mudança no protocolo de proof-of-work para proof-of-stake, um processo mais rápido e mais eficiente, esfriou.

Assista: O que é a duplicação do Ethereum e como ganhar com isso?

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 7h10:

Criptomoeda Preço Variação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC) US$ 21.145,47 -1,27%
Ethereum (ETH) US$ 1.560,58 -3,27%
Binance Coin (BNB) US$ 292,08 -1,31%
XRP (XRP) US$ 0,3339 -3,14%
Cardano (ADA) US$ 0,4451 -4,04%

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

Criptomoeda Preço Variação nas últimas 24 horas
EOS (EOS) US$ 1,49 +2,72%
Klaytn (KLAY) US$ 0,2447 +0,21%

As criptomoedas com as maiores quedas nas últimas 24 horas:

Criptomoeda Preço Variação nas últimas 24 horas
Celsius (CEL) US$ 1,96 -23,58%
Decred (DCR) US$ 28,15 -7,60%
Convex Finance (CVX) US$ 5,01 -6,84%
Ankr (ANKR) US$ 0,03592 -6,74%
Lido DAO (LDO) US$ 1,91 -6,64%

Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETF Preço Variação
Hashdex NCI (HASH11) R$ 20,23 -9,68%
Hashdex BTCN (BITH11) R$ 26,11 -9,49%
Hashdex Ethereum (ETHE11) R$ 25,80 -9,47%
Hashdex DeFi (DEFI11) R$ 25,40 -0,93%
Hashdex Smart Contract Plataform FI (WEB311) R$ 20,09 -11,92%
QR Bitcoin (QBTC11) R$ 7,00 -7,65%
QR Ether (QETH11) R$ 6,35 -9,92%
QR DeFi (QDFI11) R$ 4,22 -10,59%
Cripto20 EMPCI (CRPT11) R$ 5,77 -3,51%
Investo NFTSCI (NFTS11) R$ 32,00 +1,10%

Veja as principais notícias do mercado cripto desta segunda-feira (22):

Regulação cripto na Austrália

O novo governo da Austrália, liderado pelo primeiro-ministro Anthony Albanese desde 23 de maio, iniciará uma revisão de como os ativos de criptomoedas são gerenciados, com o objetivo de manter as práticas atualizadas e proteger os consumidores, disse o tesoureiro australiano Jim Chalmers, em comunicado divulgado nesta segunda.

Como o primeiro passo em uma agenda de reformas, Chalmers afirmou que o Tesouro priorizará o trabalho de “mapeamento de token” em 2022, o que ajudará a identificar como os criptoativos e serviços relacionados devem ser regulamentados. “Isso não foi feito em nenhum outro lugar do mundo, o que tornará a Austrália líder nesta iniciativa.”

O mapeamento de token envolve descobrir as características de todos os tokens de ativos digitais na Austrália, incluindo traçar o tipo de ativo criptográfico, seu código subjacente e qualquer outro recurso tecnológico, de acordo com o site Sydney Morning Herald.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Written by: admin

Rate it

Previous post


0%