Uncategorized

IPCA-15: frutas e laticínios são itens com maior alta em agosto no DF

todayagosto 24, 2022 1

Background
share close

Novamente, o leite longa vida aparece como vilão para o bolso dos brasilienses. Veja a lista dos 10 itens com a maior alta, segundo o IBGE

atualizado 24/08/2022 13:04

Hugo Barreto/Metrópoles

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), conhecido como prévia da inflação, apresentou queda de 1,09% em agosto, em Brasília, conforme dados divulgados nesta quarta-feira (24/8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No entanto, apesar da queda geral, alguns itens tiveram alta de preços significativa.

Novamente, o leite longa vida aparece como vilão para o bolso dos brasilienses com uma alta de 16,67%. O produto vendido em caixinha ficou atrás apenas da melancia, item que está no topo do ranking, com aumento de 22,28% em agosto.

Dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados, apenas o setor de transportes registrou queda no DF neste mês (de 7,28%). Confira abaixo a lista dos 10 itens com maior alta em agosto:

  1. Melancia (22,28%)
  2. Leite longa vida (16,67%)
  3. Banana d’água (15,55%)
  4. Leites e derivados (11,01%)
  5. Cebola (10,08%)
  6. Uva (8,26%)
  7. Laranja pera (7,73%)
  8. Queijo (7,55%)
  9. Mamão (7,29%)
  10. Melão (6,93%)

3 Cards_Galeria_de_Fotos (2)

Inflação é o termo da economia utilizado para indicar o aumento generalizado ou contínuo dos preços de produtos ou serviços. Com isso, a inflação representa o aumento do custo de vida e a consequente redução no poder de compra da moeda de um paísKTSDESIGN/SCIENCE PHOTO LIBRARY / Getty Images

***Foto-pessoa-contando-moedas.jpg

Em outras palavras, se há aumento da inflação, o dinheiro passa a valer menos. A principal consequência é a perda do poder de compra ao longo do tempo, com o aumento dos preços das mercadorias e a desvalorização da moedaOlga Shumytskaya/ Getty Images

***Ilustracao-alta-inflacao.jpg

Existem várias formas de medir a inflação, contudo, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) é o mais comum delesJavier Ghersi/ Getty Images

***Foto-pessoa-fazendo-contas-em-calculadora.jpg

No Brasil, quem realiza a previsão da inflação e comunica a situação dela é o Banco Central. No entanto, para garantir a idoneidade das informações, a pesquisa dos preços de produtos, serviços e o cálculo é realizado pelo IBGE, que faz monitoramento nas principais regiões brasileirasboonchai wedmakawand/ Getty Images

***Ilustracao-foguete-voando-por-cima-de-grafico.jpg

De uma forma geral, a inflação pode apresentar causas de curto a longo prazo, uma vez que tem variações cíclicas e que também pode ser determinada por consequências externasEoneren/ Getty Images

***Foto-pessoa-comprando-produtos.jpg

No entanto, o que influencia diretamente a inflação é: o aumento da demanda; aumento ou pressão nos custos de produção (oferta e demanda); inércia inflacionária e expectativas de inflação; e aumento de emissão de moedaselimaksan/ Getty Images

***Foto-moedas-caindo.jpg

No bolso do consumidor, a inflação é sentida de formas diferentes, já que ela não costuma agir de maneira uniforme e alguns serviços aumentam bem mais do que outrosAdam Gault/ Getty Images

***Foto-pessoa-olhando-carteira-vazia.jpg

Isso pode ser explicado pela forma de consumo dos brasileiros. Famílias que possuem uma renda menor são afetadas, principalmente, por aumento no preço de transporte e alimento. Por outro lado, alterações nas áreas de educação e vestuário são mais sentidas por famílias mais ricasJavier Zayas Photography/ Getty Images

***Foto-mulher-olhando-para-papel-com-as-maos-na-boca-2.jpg

Ao contrário do que parece, a inflação não é de todo mal. Quando controlada, é sinal de que a economia está bem e crescendo da forma esperada. No Brasil, por exemplo, temos uma meta anual de inflação para garantir que os preços fiquem controlados. O que não pode deixar, na verdade, é chegar na hiperinflação – quando o controle de todos os preços é perdidocoldsnowstormv/ Getty Images

Variação em 12 meses

Apesar do resultado de agosto, no ano, o IPCA-15 de Brasília acumula alta de 4,25%. Em 12 meses, o aumento foi de 8,95%.

O maior vilão dos últimos 12 meses foi a cebola, que teve aumento de 155,89% no preço. Em segundo lugar, está a passagem aérea, com alta de 112,80%.

Veja a lista dos 10 itens com maior alta em 12 meses:

  • Cebola (155,89%);
  • Passagem aérea (112,80%);
  • Melão (107,56%);
  • Mamão (98,86%);
  • Melancia (85,49%);
  • Leite longa vida (67,06%);
  • Café moído (56,71%);
  • Óleo diesel (55,61%);
  • Banana prata (53,28%);
  • Banana d’água (49,03%).

O IPCA-15 é a prévia do IPCA, considerado a inflação oficial do país. Para o cálculo do IPCA-15, os preços foram coletados entre 14 de julho e 12 de agosto de 2022 (referência) e comparados aos vigentes entre 14 de junho e 13 de julho de 2022 (base).

O indicador refere-se às famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos e abrange as regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e do município de Goiânia. A metodologia utilizada é a mesma do IPCA, a diferença está no período de coleta dos preços e na abrangência geográfica.

Mais lidas

Written by: admin

Rate it

Previous post

Uncategorized

Tesla pedirá que processo de discriminação racial na Califórnia seja arquivado

Por Daniel Wiessner (Reuters) - Os advogados da Tesla vão pedir nesta quarta-feira que um juiz arquive a acusação da agência de direitos civis da Califórnia de discriminação racial generalizada pela montadora em uma de suas unidades. O juiz do Tribunal Superior da Califórnia, Evelio Grillo, em Oakland, realizará uma audiência sobre o pedido da Tesla pelo arquivamento do processo. A empresa, que enfrenta uma série de outros processos de discriminação movidos por funcionários, afirma que o caso tem motivação […]

todayagosto 24, 2022


Similar posts

Uncategorized

Feliz 2023!

2023 começou. Basicamente duas reações podem ser facilmente identificadas quando olhamos à nossa volta: riso e lágrima. Uma parcela comemora aquilo que entende como vitória. Outra parcela chora aquilo que entende como derrota.  Em meio a estas definições bem reduzidas, existem inúmeras variações de ânimos, de expectativas, de comportamentos, de […]

todayjaneiro 7, 2023 1


0%