News

Make-a-video: como é a IA do Facebook que gera vídeos a partir de frases

todayoutubro 1, 2022 1

Background
share close

A Meta, empresa proprietária do Facebook, Instagram e WhatsApp, anunciou nesta quinta-feira (29) o lançamento do Make-A-Video, novo sistema de Inteligência Artificial (IA) que converte texto em clipes de vídeo rápidos e de alta qualidade.

O Make-A-Video é uma “evolução” do Make-A-Scene, anunciado no começo do ano. Ambas se baseiam no mesmo princípio de programas como Dall-E, Midjourney e Stable Diffusion — IA generativas multimodais, ou que estudam um grande volume de imagens (algumas até impróprias) para entendê-las e recriá-las.

Através desses programas, é possível criar ilustrações fotorrealistas, arte e outros tipos de imagens estáticas usando texto. Com o Make-a-Vídeo, é possível ir um pouco mais além e criar animações. Na apresentação, a Meta afirma que a nova IA possui três vezes mais precisão e qualidade de vídeo gerado em relação às concorrentes.

No momento, apenas algumas demonstrações da Inteligência Artificial estão disponíveis, para dar uma “palhinha” do poder da ferramenta. A ideia da empresa de Mark Zuckerberg é liberar a IA para o público. Entretanto, a solução ainda não está disponível para teste nem possui data de divulgação.

Quem se interessar, pode se cadastrar para acessar e testar a versão beta do Make-A-Video quando for liberada através do formulário disponível no site.

O que ela faz de diferente?

Após digitar algumas palavras ou um pequeno texto, Make-A-Video permite criar vídeos com movimentos, personagens e paisagens. O sistema também pode produzir vídeos a partir de imagens ou se basear em vídeos existentes para desenvolver novos.

Outra diferença está na forma que a ferramenta funciona. Na prática, Make-A-Video usa conjuntos de dados disponíveis publicamente, o que, segundo a Meta, “adiciona um nível extra de transparência”, já que não conta com imagens sem consentimento.

“Queremos ser cuidadosos sobre como construímos novos sistemas de IA generativos como este. Estamos compartilhando abertamente essa pesquisa e resultados de IA generativos com a comunidade para obter feedback e continuaremos a usar nossa estrutura de IA responsável para refinar e evoluir nossa abordagem a essa tecnologia emergente.”, comprometeu-se a Meta em comunicado oficial.

A empresa não especificou se o Make-a-Video possui restrições de conteúdo gráfico ou violento. Para evitar potenciais usos nocivos, como fake news, os vídeos gerados pela inteligência artificial terão uma marca d’água, informando que o conteúdo foi gerado pelo computador.

Written by: admin

Rate it

Previous post

‘Dermatologista das celebridades’ cria avatar e ‘clínica’ no metaverso

News

‘Dermatologista das celebridades’ cria avatar e ‘clínica’ no metaverso

A Biobot, startup brasileira especializada em avatares digitais, lança hoje (30) mais um cliente no metaverso: Bert Skin, versão do médico Alberto Cordeiro, conhecido como o 'dermatologista das celebridades'.Ele se junta ao portfolio da agência, que já conta com avatares para a apresentadora Sabirna Sato e a influenciadora Bianca Andrade, entre outras; e que em breve terá também artistas como Deborah Secco, Cauã Reymond e Luiza Possi. O projeto de […]

todayoutubro 1, 2022 2


0%