News

Mario Frias vira réu por difamação contra Marcelo Adnet

todayagosto 21, 2022 9

Background
share close

Mario Frias vira réu por difamação contra Marcelo Adnet

O ex-secretário de Cultura se referiu ao ator como “criatura imunda” em publicação nas redes sociais em 2020


Sergio Lima/Poder360 – 3.dez.2021

O ex-secretário de Cultura e candidato a deputado federal, Mario Frias, fez uma publicação em referência ao ator Marcelo Adnet em setembro de 2020, na qual Adnet alega crimes de injúria e difamação



20.ago.2022 (sábado) – 18h35


O candidato a deputado federal por São Paulo e ex-secretário da Cultura Mario Frias (PL) se tornou réu por injúria e difamação contra o ator Marcelo Adnet, por causa de publicação nas redes sociais em 2020.

O TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios) decidiu na 6ª feira (19.ago.2022) aceitar a queixa-crime de Adnet por ofensas publicadas por Frias há cerca de 2 anos, quando ainda era chefe da pasta de Cultura. Eis a íntegra (12 KB) da decisão.

De acordo com o que o ator apresentou na queixa-crime, foram 2 crimes de difamação e 10 de injúria. Frias compartilhou uma captura de tela de 1 vídeo de Adnet em seu perfil no Instagram em que é parodiado. Chamou o humorista de “criatura imunda” e “garoto frouxo”.

O juiz Fernando Brandini Barbagalo designou uma audiência para a oitiva dos envolvidos, por videoconferência. A queixa-crime foi transferida para o Juízo Criminal de Brasília pela Justiça do Rio de Janeiro.

o Poder360 integra o

curtiu a reportagem? Compartilhe sua opinião

apontar erros neste texto

Written by: admin

Rate it

Previous post

Trump indica que acionará Justiça contra “invasão ilegal” do FBI

News

Trump indica que acionará Justiça contra “invasão ilegal” do FBI

Trump indica que acionará Justiça contra “invasão ilegal” do FBI Ex-presidente dos EUA diz que “grande moção” será apresentada; FBI executou mandado de busca e apreensão em sua casa Shealah Craighead/Official White House Photo - 26.nov.2020 Donald Trump (foto) disse que seus direitos "foram violados em um nível raramente visto anteriormente" nos Estados Unidos Poder360

todayagosto 21, 2022 8


0%