Metacritic: Xbox Game Studios foi a melhor editora de 2021

As notas dadas em análises podem não ser o único indicativo de que um jogo cairá ou não no nosso gosto, mas a importância delas para a indústria é inegável. É graças as pontuações que alguns estúdios podem receber bonificações, o que talvez explique as reclamações de profissionais ao verem um título receber uma nota que consideram exagerada. De qualquer forma, quem não parece ter do que lamentar é o pessoal da Xbox Game Studios.

Forza Horizon 5 - Xbox Game Studios

Forza Horizon 5 teve média 92 no Metacritc (Crédito: Divulgação/Microsoft)

Assim como tem feito pelos últimos 12 anos, o Metacritic divulgou uma lista com o desempenho das empresas que publicam jogos e seguindo os critérios estabelecidos pelo agregador de notas, a divisão de games da Microsoft conseguiu saltar da sexta posição registrada em 2020 para alcançar o topo da lista.

O desempenho já seria digno de comemorações por parte dos profissionais do Xbox Game Studios, mas a façanha se torna ainda mais relevante ao sabermos que a média alcançada por eles (87,4) é a maior já registrada na história do levantamento. E até mais do que isso, nunca uma editora havia conseguido ficar acima de 85.

Segundo o Metacritic, dos 10 títulos publicados pela empresa em 2021, sendo cinco deles distintos, todos foram classificados como bons jogos, o que significa ter uma média superior a 80. Além disso, três dos lançamentos podem ser considerados ótimos (média acima de 90), sendo eles o Forza Horizon 5 (média 92), o Psychonauts 2 (91) e a versão do Flight Simulator para o Xbox Series X (90).

Como citado pelo agregador, o desempenho desses títulos foi tão bom, que a média 87 registrada por um dos principais lançamentos do Xbox Game Studios em 2021, o Halo Infinite, nos desse a sensação de que ele foi uma decepção. O site também levanta uma interessante questão: será que com a aquisição da Activision Blizzard a editora conseguirá manter o controle de qualidade?

Enfim, já pelo lado da Sony… Mesmo com a empresa tendo subido da quarta para a segunda posição, imagino que internamente tenha ficado a sensação de que eles poderiam ter feito melhor. Dos 11 títulos lançados pelos seus estúdios, 10 foram considerados bons e nenhum alcançou a média necessária para ser apontado como ótimo. Para piorar, a pontuação 62 registrada pelo Destruction All-Stars ajudou a fazer com que a editora quase não ficasse a frente do terceiro colocado, o Humble Games.

Ratchet & Clank: Rift Apart, o melhor jogo da Sony em 2021 (Crédito: Divulgação/Sony)

O fato é que essa lista costuma variar, com uma empresa que se saiu muito bem num ano podendo não repetir o desempenho no seguinte. Um bom exemplo disso é a Sega, coroada a principal editora de 2020 e que dessa vez amargou apenas a oitava posição, com média 77,6. Já a Electronic Arts conseguiu melhorar bastante seu desempenho, indo de um modesto 21° lugar no ano anterior para o nono em 2021 (com média 78,3).

Também merecem destaque, mas de forma negativa, a Square Enix, a Nintendo e a Ubisoft. Empresas enormes e detentoras de marcas tão adoradas, elas ficaram apenas em 12°, 14° e 19° lugares, respectivamente. Para piorar, entre as três tivemos apenas um jogo que conseguiu ser considerado ótimo, sendo ele o Final Fantasy XIV: Endwalker, com média 92.

A princípio pensei que tais desempenhos poderiam ser considerados um ponto fora da curva, frutos apenas de um ano ruim, mas ao olhar para como tais empresas se saíram em 2020, percebi que nele não foi muito diferente. No caso da Square Enix, a editora ficou apenas em 11°, enquanto a Casa do Mario registrou um nono lugar e empresa francesa não passou do 14°.

Obviamente isso não quer dizer que os jogos lançados por essas companhias não possam te agradar, mas a lista serve para termos uma ideia de como a crítica especializada tem enxergado (em média) os lançamentos. Eu também seria capaz de apostar que muitos executivos utilizam esses levantamentos para puxar a orelha de seus funcionários.

Abaixo você confere a lista com os 10 primeiros lugares no levantamento feito pelo Metacritic e se quiser saber a lista completa, basta visitar esta página.

  1. Microsoft / Xbox Game Studios — 87,4 (6° lugar no ano anterior)
  2. Sony — 81,3 (4° lugar no ano anterior)
  3. Humble Games — 80,9 (18° lugar no ano anterior)
  4. Activision Blizzard — 80,6 (5° lugar no ano anterior)
  5. Bethesda Softworks — 80,2 (16° lugar no ano anterior)
  6. Capcom — 80,6 (3° lugar no ano anterior)
  7. Bandai Namco — 78,5 (38° lugar no ano anterior)
  8. Sega — 77,6 (1° lugar no ano anterior)
  9. Electronic Arts — 78,3 (21° lugar no ano anterior)
  10. 505 Games — 75,7 (13° lugar no ano anterior)

março 23, 2022

Written by:

X