News

NASA e SpaceX podem trabalhar juntas para prolongar a vida útil do telescópio Hubble

todayoutubro 1, 2022 1

Background
share close



















A NASA, agência espacial do governo dos Estados Unidos, anunciou ontem uma parceria com a SpaceX, empresa do bilionário Elon Musk, para tentar dar uma sobrevida ao telescópio Hubble, responsável por grandes registros históricos.


De acordo com o comunicado de anúncio, o objetivo é estudar a viabilidade de lançar o Hubble em uma órbita mais alta ao lado de uma nave da SpaceX, além de entender quais possibilidades existem para manobras e manutenção dos equipamentos.



Contudo, vale destacar que a parceira entre o telescópio e a nave da SpaceX, a Dragon, ainda são hipóteses, tendo em vista que deve levar até seis meses para determinar se seria seguro acoplar o telescópio na espaçonave, transportá-lo e liberá-lo em outra órbita.


Thomas Zurbuchen, administrador associado da Diretoria de Missões Científicas da NASA, chamou o estudo de “um exemplo empolgante das abordagens inovadoras que a NASA está explorando por meio de parcerias público-privadas”.









Tech
28 Set










Tech
27 Set

A NASA explicou que pretende prolongar a vida do Hubble. O telescópio já circulou mais de 335 milhas fora do planeta há mais de três décadas, e sua órbita está “decaindo lentamente ao longo do tempo”. O Hubble foi concebido conceitualmente na década de 1940.


Desde o seu lançamento, o telescópio foi responsável por nos trazer algumas das imagens espaciais históricas mais importantes já capturadas. Se for bem-sucedido, o estudo pode dar ao Hubble mais alguns anos antes de sair de órbita.















Written by: admin

Rate it

Previous post


0%