Nesta Sexta-feira (13), Dólar Encerra a Semana em Queda Vendido a R$ 5,05

No último dia de cotação da semana, os mercados internacionais operaram em alta e o dólar em queda – após bater mais de R$5,15 durante a semana. Nesta sexta-feira (13), a moeda caiu 1,61%, vendida a R$ 5,0570.

Após iniciar abril em queda e sustentar valores abaixo de R$5,00 por aproximadamente duas semanas, o dólar voltou a subir nos primeiros dias de maio refletindo a alta de juros nos Estados Unidos e também no Brasil. Com o resultado, passou a acumular alta de 2,69% na semana e no mês. No ano, no entanto, ainda tem queda de 8,96% no ano frente ao real.

No cenário externo, os mercado internacionais seguiram guiados por temores de uma desaceleração econômica global em meio a perspectivas de altas mais fortes dos juros pelo mundo para conter a inflação. Juros mais altos nos EUA tornam os investimentos em títulos do tesouro norte-americano (treasuries) mais rentáveis, valorizando o dólar frente a outras moedas e drenando liquidez de países emergentes como o Brasil.

No Brasil,o IBGE divulgou que o desemprego ficou estável em 26 das unidades da federação no primeiro trimestre. A única queda aconteceu no Amapá, onde a taxa recuou 3,3 pontos percentuais, para 14,2%. Mesmo liderando o ranking mundial de juros reais, o real tem sido uma das moedas mais penalizadas pela recente debandada de recursos aplicados em ativos e mercados considerados mais arriscados.

Fazendo um retrospecto rápido, o dólar começou o ano de 2021 cotado a R$5,21, no dia 9 de março chegou a maior cotação até então batendo R$5,84, e no dia 29 de março bateu R$5,77 (segunda maior cotação do ano). E em meados da última semana de junho bateu a menor cotação do ano cotado a menos de R$4,90.

Se você vive nos Estados Unidos e pensa em aproveitar o câmbio favorável recomendamos você a usar o app USEND, uma empresa americana e fundada por brasileiros que aposta em tecnologia de ponta. Use o promo code SOUL para economizar US$5 na taxa de envio.

maio 14, 2022

Written by:

X