Uncategorized

Paisagismo: cuidando da terra.

todayagosto 29, 2022 11

Background
share close

COLUNA NOSSA GENTE || PAISAGISMO NA FLÓRIDA || Silvia Valentini

Você é o que você come.

Será que podemos transferir para as plantas este antigo ditado? Creio que sim, a aparência e desenvolvimento das plantas nos permite conhecer a qualidade do solo.

______continua após a publicidade_______





Embora esta época de chuvas não seja a melhor para a correção das condições do solo, com a proximidade de outubro já poderemos nos preparar para alimentar melhor as nossas plantas. 

O período da pandemia foi excelente para o contato com a natureza. Quem plantou em março, já teve como observar o comportamento e a saúde do jardim, as condições do solo e pode detectar as necessidades de correções.

Solo muito compactado  

Quando a chuva cai e não é absorvida, ‘lava’ a terra, levando consigo os nutrientes do solo. E, com falta de nutrientes, as plantas chamam os parasitas para si. O solo sempre deve estar coberto por mulch e matéria orgânica, que o protege contra a erosão, ventos e ressecamento. 

O mulch pode ser encontrado à venda em lojas, em sacos de fibra de coco, casca de pinus, substrato, palha. Mas, encontramos coberturas também no próprio jardim: folhas mortas, grama cortada, restos de raízes, madeira em processo de decomposição.

Há certos cuidados que devem ser observados ao cobrir a terra. Um deles é não aproximar demais a cobertura dos caules das plantas. Atenção também para utilizar apenas material já decomposto. Isso porque o processo de decomposição envolve aquecimento. Em uma pilha de compostagem, com restos de vegetais em decomposição, a temperatura pode passar de 70º C (158º F). Esse calor afetaria as plantas. 

Em breve falaremos mais sobre compostagem.

Solo muito ácido

Dependendo do que vamos plantar, o solo pode pedir correção. Mas, muitas pessoas têm por hábito começar espalhando calcário no jardim, mesmo antes de medir o pH do solo. O calcário é rico em cálcio e magnésio, e favorece também o desenvolvimento dos micro organismos do solo.  Mas, alcalinizar o solo, função da ‘calagem’, pode acarretar problemas, se a intenção for plantar uma horta, por exemplo. 

Hortaliças como pimentão, cenoura, brócolis, repolho, pepinos, abobrinhas, tomate, entre outras, preferem solo mais ácido. Também algumas ornamentais e frutíferas, como as azaléas, camélias, rododendro, hortênsias, mirtilo, além de algumas gramíneas, árvores e arbustos, crescem melhor em um ambiente com pH inferior a 7,0. 

O pH pode influenciar também a coloração das flores. A Hortência de solo mais ácido tem cor azul. Se plantada em solo alcalino, sua cor varia entre rosa e branco. Na realidade, a cor não está nas flores mas sim nas folhas modificadas. As flores da Hortência são brancas, pequenas, e aparecem no meio do buquê – mas este é um assunto para outro dia.

O melhor, portanto, é medir o pH do solo antes de plantar. Para isso, garden centers e nurseries oferecem uma variedade de testes caseiros. São simples, e basta seguir as instruções. Mas, lembre-se de não fazer o teste depois da chuva: a terra molhada afeta o resultado.

Solo pobre em nutrientes

Plantas doentes, desnutridas, podem ser atacadas por fungos, bactérias, vírus, pragas em geral. E, quando pensamos em enriquecer o solo, nos lembramos apenas de nutrientes como NPK, desconsiderando a importância dos micro nutrientes.

O efeito dos micro nutrientes é facilmente percebido na lavoura. A couve atacada por lagartas é a que foi plantada em solos pobres em Molibdênio. A broca que ataca as plantas de feijão, não mata as plantas que nasceram de sementes enriquecidas com Zinco. O solo rico em Boro espanta o lagarto que ataca o pé de milho.

Há um equilíbrio complexo de nutrientes no solo, de maneira que é impossível agregar apenas NPK, sem causar desequilíbrio. Assim, é preferível enriquecer o jardim com compostagem, matéria orgânica, húmus de minhoca e esterco curtido, o que alimentará os microrganismos. E deixar para eles a tarefa de nutrir o solo.

Na Índia, há um ditado antigo ensinando que, se os insetos invadem os nossos campos, eles chegam como mensageiros dos céus, para nos avisar que o solo está doente. Pense nisso ao olhar o seu jardim.

____________________publicidade___________________





Written by: admin

Rate it

Previous post

Pesquisas apontam que ao menos 12 governadores podem ganhar no 1° turno

News

Pesquisas apontam que ao menos 12 governadores podem ganhar no 1° turno

Levantamento do Metrópoles com base nas pesquisas eleitorais mais recentes para os governos estaduais mostra que 12 candidatos podem vencer a disputa já em 2 de outubro.No Brasil, para ser eleito no 1º turno, o candidato precisa receber 50% mais 1 dos votos válidos, pelo menos. Ou seja, o vencedor precisa ter mais votos do que todos os adversários somados. O cálculo não considera os votos em branco ou nulos.A […]

todayagosto 29, 2022 19


Similar posts

Uncategorized

Feliz 2023!

2023 começou. Basicamente duas reações podem ser facilmente identificadas quando olhamos à nossa volta: riso e lágrima. Uma parcela comemora aquilo que entende como vitória. Outra parcela chora aquilo que entende como derrota.  Em meio a estas definições bem reduzidas, existem inúmeras variações de ânimos, de expectativas, de comportamentos, de […]

todayjaneiro 7, 2023 1


0%