Square Enix deverá lançar outros clássicos em “HD-2D”

Em 2018 a Square Enix lançou para o Nintendo Switch um RPG que conquistaria muitos admiradores. Com o nome de Octopath Traveler, aquele título mirava claramente nos jogadores das antigas que passaram várias horas nos títulos do gênero para o Super Nintendo e um dos seus destaques estava no visual, que a empresa batizou como HD-2D. O que talvez nem os responsáveis por aquele jogo soubessem é que eles tinham criado uma tendência.

Octopath Traveler - HD-2D

Como não adorar o estilo visual do Octopath Traveler? (Crédito: Divulgação/Square Enix)

Basicamente, o que o HD-2D faz é combinar personagens pixelados em duas dimensões com cenários bastante detalhados em 3D, com texturas e efeitos especiais dignos dos consoles mais novos. Conseguindo passar uma boa sensação de nostalgia, mas sem se prender as limitações técnicas de três décadas atrás, o conceito conseguiu agradar tanto à nova quanto a velha geração.

O sucesso fez com que a Square Enix apostasse em novos títulos com o mesmo estilo, com o Triangle Strategy estando previsto para chegar ao Switch em 22 de março. Porém, a empresa percebeu que o HD-2D poderia servir para mais do que “apenas†dar vida a projetos inéditos, sendo uma boa forma de resgatar jogos lançados para o antigo videogame 16-bit da Nintendo.

O primeiro remake anunciado nesses moldes foi o do Dragon Quest III, um clássico lançado para o Super Nintendo apenas no Japão e que só foi aparecer nos Estados Unidos quando recebeu uma versão para o Game Boy Color. Mais recentemente foi a vez do anúncio de outro JRPG que está sendo refeito, o Live A Live. Sem nunca ter recebido uma localização oficial para o ocidente, foi neste jogo em que Takashi Tokita estreou como diretor e caso não o conheça, basta dizer que ele codirigiu o Chrono Trigger, ao lado de Yoshinori Kitase e Akihiko Matsui.

Desses dois remakes, aquele que estou mais ansioso é o Live a Live, já que nunca o joguei e após ver o trailer que a Square Enix divulgou, fiquei muito feliz por eles terem optado por esta direção artística.

A boa notícia para quem gosta do estilo HD-2D é que, segundo o produtor Tomoya Asano, outros clássicos do Super Nintendo deverão passar pelo mesmo tratamento. Tendo participado da criação do Octopath Traveler, Triangle Strategy e Bravely Default, ele gravou um podcast com os também produtores Takashi Tokita e Yasuaki Arai, quando num determinado momento comentou sobre a intenção do presidente da Square Enix, Yosuke Matsuda.

“O nosso presidente ordenou que fizéssemos mais títulos e remakes em HD-2D, então discutimos todos os possíveis títulos. Fizemos uma lista de quais jogos se encaixariam mais no HD-2D, então excluímos jogos que definitivamente não funcionariam, como os de Mahjong (risos) e fizemos algumas propostas ao presidente. Listamos notadamente todos os jogos da Square e da Enix lançados para o Super Famicom que poderíamos refazer em HD-2D. O primeiro jogo que decidimos foi o Live a Live. O segundo foi o Actraiser.â€

O interessante nas palavras de Asano é como elas deixam em aberto um enorme leque de possibilidades. Com a Square Enix possuindo tantos jogos no seu catálogo e com vários deles tendo conquistado uma imensidão de admiradores na época do Super Nintendo, quem gosta de RPGs provavelmente já deve estar fazendo uma lista com aqueles que adoraria ver serem refeitos.

E dentre as muitas opções, aquela que provavelmente será escolhida por boa parte das pessoas é o Chrono Trigger. Apontado por muitos como um dos melhores RPGs de todos os tempos, os pedidos por uma versão repaginada deste clássico tem sido ouvido há décadas e enquanto alguns achavam improvável a ideia do jogo ser recriado em 3D, parece muito mais factível ele reaparecer em HD-2D. Na verdade, já consigo até imaginar como ficaria essa belezinha…

Um Chrono Trigger assim ficaria lindo! (Crédito: Divulgação/Square Enix)

Algo que também ajuda a aumentar nossa esperança é o fato de, segundo a declaração de Tomoya Asano, o Live a Live ter sido o primeiro remake que a empresa decidiu fazer com este estilo visual. Com seu lançamento previsto para 22 de junho, seu desenvolvimento teria sido mantido em segredo por bastante tempo, afinal o outro título citado pelo produtor, o Actraiser Renaissance, foi lançado em setembro de 2021.

Isso pode significar que outros projetos já estejam sendo tocados em um dos muitos estúdios controlados pela Square Enix e dentre eles, quem garante que não está um Final Fantasy VI, um Romancing SaGa, um Secret of Evermore, um Bahamut Lagoon ou o próprio Chrono Trigger?

PS: recentemente a Square revelou que outros dois dos seus clássicos estão sendo refeitos, trata-se do Front Mission 1 e 2. Naquela ocasião, um teaser chegou a ser apresentado, mas sem mostrar trechos da jogabilidade. Será que esses também adotarão o estilo HD-2D?

Fonte: Siliconera

março 24, 2022

Written by:

X