News

TSE multa emissora por fazer campanha para Bolsonaro

todaysetembro 12, 2022 6

Background
share close

Na última semana o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) notificou a rádio Jovem Pan por fazer uma propagando favorável ao atual presidente da República e candidato a reeleição Jair Bolsonaro (PL). A notificação tem como base a Lei Eleitoral nº 9504/97, esta lei obriga as emissoras a cederem o mesmo espaço para os candidatos, sem que nenhum deles seja privilegiado. Em 1998, esta mesma lei foi a responsável por tirar o SBT do ar.

A emissora de Augusto Amaral de Carvalho Filho (Tutinha) recebeu uma notificação do TSE pelo programa 3 em 1 ter divulgado informações que não diziam a verdade.

Segundo a Justiça, a atração divulgou Fake News sobre o ex-presidente da República e atual candidato a voltar ao cargo Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ter feito de maneira sistemática campanha favorável ao atual líder do Executivo.

Oficiais de Justiça foram até a sede da emissora em São Paulo para entregar a notificação à equipe da atração comandada por Paulo Mathias e que tem a participação de Rodrigo Constantino, Fábio Piperno e Jorge Serrão. Não foi revelada de onde partiu a denúncia. A Justiça Eleitoral afirmou que a emissora não cumpriu com as regras de cobertura jornalística no que diz respeito às Eleições, pois não ouviu a versão do Partido dos Trabalhadores sobre o assunto que estava sendo tratado.

SBT

A emissora de Silvio Santos ficou fora do ar em 1998 porque o então novato na emissora, Ratinho levou ao seu programa Paulo Maluf, que na época era candidato a governador de São Paulo, Maluf foi à atração para apresentar seu programa de governo e aproveitou o espaço para criticar a administração de seu rival Mário Covas (1930-2001), Maluf acabou perdendo a eleição para Covas.

Foi a própria coligação de Mário Covas que estava atenta ao que o SBT vinha fazendo. Semanas antes a emissora já havia sido multada pelo TSE, a multa no valor de R$ 40 mil foi dada por que o Supremo Tribunal Eleitoral entendeu que o SBT havia usado os programas de Gugu Liberato (1959-2019) e Hebe Camargo (1928-2012) para beneficiar Paulo Maluf.

A entrevista com Maluf foi exibida no dia 23 de setembro de 1998 no Programa do Ratinho, a conversa com o político teve ares de propaganda eleitoral. Na ocasião, Carlos Massa saiu em defesa do projeto Tolerância Zero, que era um dos itens do programa de governo de Paulo Maluf, no projeto, acusados de terem cometidos crimes hediondos iriam ficar presos sem terem o direito de receberem habeas corpus até o dia do julgamento, o apresentador também criticou Mário Covas.

No dia 2 de outubro, depois de ter sido provado que o SBT favoreceu Maluf e ainda foi reincidente, a emissora recebeu a multa do TSE no valor de R$ 120 mil e teve seu sinal retirado do ar em todo o estado de São Paulo, a emissora ficou quase 24 horas fora do ar. A programação da emissora foi exibida normalmente no restante do país.

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS







Written by: admin

Rate it

Previous post

Norman Reedus fala sobre acidente em set de filmagem

News

Norman Reedus fala sobre acidente em set de filmagem

O ator Norman Reedus deu um susto nos produtores de 'The Walking Dead'. Ele sofreu um acidente durante as gravações. Durante as filmagens da décima primeira temporada e última da produção, o ator, que dá vida a Daryl Dixon, acabou caindo da motocicleta que o personagem usa para se locomover. Além de muitos arranhões pelo

todaysetembro 12, 2022 2


0%